Ouvir
Planos, Estudos e Projetos

Plano Municipal de Segurança Rodoviária (PMSR)


O Município do Porto, desenvolveu um PMSR enquadrado na estratégia definida pela Autoridade Nacional de Segurança Rodoviária (ANSR) que tem como objetivos estratégicos atingir zero vítimas mortais e reduzir 30% dos acidentes com vítimas nos acidentes ocorridos em arruamentos que se encontram sob a sua jurisdição até ao ano de 2021. O Plano de Segurança Rodoviária do Porto foi aprovado por unanimidade, pela Assembleia Municipal, realizada no dia 27 de maio de 2019.


Carta Municipal de Sinistralidade Rodoviária 2018

Carta Municipal de Sinistralidade Rodoviária 2019


Plano de Logística Urbana Sustentável (PLUS)

 

O Plano de Logística Urbana Sustentável é um plano estratégico integrado que consiste na definição de uma estratégia integrada de regulação das atividades de logística na cidade do Porto e na definição e implementação de um conjunto de medidas de gestão no âmbito dessa regulação. O PLUS foi aprovado pela Assembleia Municipal realizada no dia 15 de novembro de 2021.


Para mais informação:


Caraterização da logística urbana sustentável na cidade do Porto

Fase 1, Fase 2, Fase 3

Diretrizes para o plano de logística urbana sustentável na cidade do Porto

Fase 1, Fase 2



Plano de Ação de Mobilidade Sustentável (PAMUS)



Plano Estratégico de Desenvolvimento Urbano (PEDU)



Projeto Cooperative-Roads (C-Roads)


O Município do Porto iniciou, em novembro de 2017, a sua participação no projeto C-Roads, cofinanciado pelo programa Mecanismo Interligar a Europa – MIE (Connecting Europe Facility – CEF), com término previsto para o final de 2021.

O Município do Porto participa no “Piloto do Porto”, onde pretende efetuar a monitorização e a previsão das condições de tráfego a duas horas na cidade do Porto, com possibilidade de criação de planos de contingência pré-definidos para responder às ocorrências registadas, e a integração de uma solução que permita a troca de informação entre veículo de Transporte Público e a infraestrutura, nomeadamente um controlador de tráfego e um painel de mensagem variável instalado no veículo. 




Projeto Cooperative-Streets (C- Streets)


O projeto C-Streets, cofinanciado pelo programa Mecanismo Interligar a Europa – MIE (Connecting Europe Facility – CEF), é constituído por um conjunto de projetos-piloto de implementação de Sistemas Cooperativos de Transporte Inteligente (Cooperative Inteligent Transport Systems – C-ITS.

Este projeto decorre da implementação do Cooperative Roads (C-Roads), a nível nacional e pretende colocar em evidência as áreas urbanas.


A participação do Município do Porto é dividida em quatro projetos-piloto, nomeadamente:


  • “Plataforma de Mobilidade com interligação ao Ponto de Acesso Nacional Multimodal (Extended Multimodal National Acess Point - NAP)”. Objetivo: partilha e a disponibilização de informação urbana de forma aberta, fiável e centralizada obedecendo às diretivas europeias;
  • “Corredor Prioritário para Autocarros”. Objetivo: criação de um corredor de prioridade semafórica ao transporte público na avenida de Fernão de Magalhães, utilizando a comunicação veículo-infraestrutura (VI)
  •  “Prioridade ao Elétrico”. Objetivo: testar a comunicação VI na linha da marginal do Rio Douro;
  • “Monitorização de Tráfego nas Principais Vias da Cidade”. Objetivo: obtenção de dados de tráfego, e divulgação de informação das condições de circulação aos utilizadores da via.


Estes projetos-piloto visam promover uma operação mais inteligente e informada da cidade na área da Mobilidade e Transportes. Destaca-se que o desenvolvimento deixará de ser exclusivo à infraestrutura física (estrada e sinalização), mas orientado à infraestrutura digital (mapas digitais) e dados dinâmicos (informações de tráfego em tempo real) e a implementação de um sistema de comunicação entre veículo e infraestrutura.




Terminal Intermodal de Campanhã (TIC)



Percursos Pedonais (Ligações Mecanizadas)